Gostas de música? Junta-te a nós! Inscreve-te neste fórum e participa!
 
InícioInício  PortalPortal  CalendárioCalendário  GaleriaGaleria  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 [SBS Review] Fen - The Malediction Fields

Ir em baixo 
AutorMensagem
Dark_Forever
Admin
avatar

Mensagens : 455
Data de inscrição : 24/07/2008
Idade : 27
Localização : Porto de Mós, Leiria

MensagemAssunto: [SBS Review] Fen - The Malediction Fields   Ter Dez 16, 2008 6:57 pm




The Watcher - Vozes, guitarras, teclado
Draugluin - Teclado, ambiente
Grungyn - Baixo
Theutus - Bateria



Os Fen são uma banda de Atmospheric Black Metal/Post-Rock, nascida em 2006. Nunca tinha ouvido nada deles, apesar de terem lançado um EP em 2007 e uma demo em 2008. Este álbum de estreia da banda eleva o Black Metal a um novo patamar, em fusão com o Post-Rock, tudo numa atmosfera extremamente intensa, fria e melancólica. Esta fusão não é inédita, mas é diferente de todas as outras que ouvi até agora (por exemplo, a dos Lifelover). Uma boa aposta para os fãs deste género de uma banda que promete no futuro.




01. Exile's Journey (08:08 ) - 08/10
A música começa com uma guitarra calma a alternar com o som típico de Old School Black Metal. Desde cedo se percebe que a atmosfera da banda é intensa, negra e envolvente. A vocalização não é nem boa nem má, é simplesmente adequada e passa apenas por mais um instrumento. Uma pequena parte acústica perto dos três minutos e meio dão uma nova dimensão ao álbum. Percebe-se que este não é apenas mais um álbum de Atmospheric Black Metal, mas tem algo mais, algo inovador. Todo a música tem um ritmo um pouco semelhante, nem muito rápido nem muito lento, com uma atmospera melancólica muito interessante. Quando por fim entram as vozes limpas e as guitarras de Post-Rock, a banda revela os seus últimos segredos e reforça o facto deste ser um álbum original, que vai do Black Metal ao Post-Rock.

02. A Witness To The Passing Of Aeons (07:06) - 08/10
Uma entrada digna de Darkwave, seguida de uma guitarra acústica semelhante à da primeira música. A atmosfera criada é surrealmente fria, ajudando para isso a voz gutural sussurrante. A musica evolui, entram os restantes instrumentos e a voz eleva-se, mas a atmosfera não se altera. A pouco e pouco entra-se dentro da música, num estado de calma e reflexão. Toda a música continua sempre no mesmo ritmo com ocasionais guitarras mais audíveis, terminando como começou.

03. Colossal Voids (08:31) - 10/10
Um início típico de Post-Rock misturado com Darkwave, tanto instrumentalmente como vocalmente (uma voz masculina suave, ligeiramente semelhante a Sigur Ros). Entra a voz gutural e os restantes instrumentos, a música eleva-se a um patamar mais alto mas no mesmo ritmo. A voz limpa vai alternando com a voz gutural, um jogo de vozes viciante. A velocidade aumenta, a voz gutural faz dueto com a voz limpa e algum tempo depois entra uma pequena parte instrumental mais calma, que antecede mais uma parte cantada, desta vez com uma melodia diferente. Tal como na música anterior, o final é semelhante ao início, com um piano cristalino.

04. As Buried Spirits Stir (06:57) - 08/10
Voltamos ao som Atmospheric Black Metal mais clássico. Mais uma vez saliento a atmosfera criada, magnífica! Uma parte acústica a meio da música com um som ambiente frio e relaxante quebra a monotonia da música. O som Atmospheric Black Metal volta, mas desta vez mais lento e com uma atmosfera mais grandiosa, até voltar ao ritmo do início da música. A minuto e meio do fim entra uma guitarra acústica que lembra a guitarra portuguesa a acompanhar o restante som.

05. The Warren (07:09) - 09/10
Tal como a Colossal Voids, uma entrada de Post-Rock com a guitarra típica do género e um piano tímido. A entrada estende-se durante cerca de três minutos, altura marcada pelo mudança do ritmo da guitarra, um ritmo mais rápido que é acompanhado por uma bateria calma, até que a dois minutos de fim entra a voz gutural e a música se torna mais pesada. A um minuto do fim entra a voz limpa, que dá um toque final sublime à música, que é a mais calma do álbum e excelente para um momento de reflexão.

06. Lashed By Storm (08:53) - 09/10
Depois da música mais calma, a música mais pesada, para manter o equilíbrio. Entrada rápida e agressiva de Black Metal. Temos depois uma parte instrumental de Post-Rock magnífica, a lembrar os Explosions In The Sky. O som muda a três minutos e meio do fim da música, para uma parte instrumental deste vez ao som de Black Metal. Este jogo entre os dois géneros é perfeito, caindo que nem uma luva. A voz gutural vem apenas acrescentar mais agressividade à música. Mais uma vez a voz limpa entra a um minuto do fim, o que apesar de ser repetido da última música em termos de estrutura, soa igualmente bem.

07. Bereft (11:49) - 08/10
A entrada mais negra de todo o álbum, que quase nos sufoca. A voz limpa minuto e meio depois do início soa a sofrimento, a uma dor que já se sente há muito. Depois vem a voz gutural acrescentar ódio e fúria, mudança acompanhada por uma velocidade mais elevada na música. A música continua com a voz gutural sempre presente, numa agonia sufocante e mórbida. A quatro minutos do fim a música para por completo, dando lugar a uma guitarra acústica quase inaudível a um ritmo interessante. Entra uma atmosfera negra com sussurros frios e uma guitarra aparece de fundo. Um minuto depois volta a voz gutural, mas desta vez num ritmo mais calmo e profundo. A música termina com um som ambiente celestial e calmo.



Performance - Voz: 7/10; Instrumentos: 8/10
Música - Letras: 8/10; Musicalidade: 9/10
Originalidade - 8/10
Produção - 8/10
Atmosfera - 10/10
Concepção - 7/10
Capa - 7/10
Impressão geral - 8,5/10

Total
82,00%


As Buried Spirits Stir (excerto ao vivo)

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://portugueseeliteteam.forumotion.com/
 
[SBS Review] Fen - The Malediction Fields
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» [Gugu] Bayonetta 2 REVIEW
» [Henrique's Review] Dragon Age - Inquisition
» [Gugu] Super Smash Bros for Wii U Review
» [Neto's Review] The Legend of Zelda: Majora's Mask 3D
» [Neto's Review] Assassin's Creed Unity

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
No Music... No Life :: Géneros Musicais :: Hard Rock/Metal :: Álbuns-
Ir para: